Início
Equipe do Projeto
Material
Subprojeto
Links relacionados
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

O Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID é fruto da ação conjunta do Ministério da Educação - MEC, Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES, e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE, com vistas a fomentar a iniciação à docência de estudantes das instituições federais de educação superior e preparar a formação de docentes em nível superior, em cursos de licenciatura presencial plena, para atuar na educação básica pública.

O Programa se destina ainda à atualização pedagógica de professores mediante o envolvimento nas ações de formação continuada promovidas pelo projeto, bem como, a promover a melhoria da qualidade na educação básica, ou seja, do desempenho escolar dos alunos e do IDEB da escola pública.

 

Com estes fins, é firmado um convênio entre as Instituições Federais de Educação Superior (IFES) e as Secretarias de Estado da Educação, com a finalidade de selecionar as escolas de atuação do projeto. Para a realização do projeto institucional PIBID - UFRN foi firmado um convênio que envolve oito escolas públicas. No caso do subprojeto de Matemática (realizado em Caicó) a escola de atuação é a Escola Estadual Profª. Capúrnia Caldas Amorim.

Escola Profª. Calpúrnia Caldas Amorim


O Programa busca propiciar aos bolsistas de iniciação à docência e supervisor da escola de atuação, sob a orientação de um professor coordenador (professor da IFES), a participação nas atividades de ensino-aprendizagem desenvolvidas na escola pública a fim de proporcionar a participação em ações, experiências metodológicas e práticas docentes inovadoras, articuladas com a realidade local da escola.

Com isso os objetivos do programa são: incentivar a formação de professores para a educação básica, especialmente para o ensino médio; valorizar o magistério, incentivando os estudantes que optam pela carreira docente; promover a melhoria da qualidade da educação básica; promover a articulação integrada da educação superior do sistema federal com a educação básica do sistema público, em proveito de uma sólida formação docente inicial; elevar a qualidade das ações acadêmicas voltadas à formação inicial de professores nos cursos de licenciaturas das instituições federais de educação superior; estimular a integração da educação superior com a educação básica no ensino fundamental e médio, de modo a estabelecer projetos de cooperação que elevem a qualidade do ensino nas escolas da rede pública; fomentar experiências metodológicas e práticas docentes de caráter inovador, que utilizem recursos de tecnologia da informação e da comunicação, e que se orientem para a superação de problemas identificados no processo ensino-aprendizagem; valorização do espaço da escola pública como campo de experiência para a construção do conhecimento na formação de professores para a educação básica; proporcionar aos futuros professores participação em ações, experiências metodológicas e práticas docentes inovadoras, articuladas com a realidade local da escola.

Critérios da seleção dos alunos bolsistas.

a) ser brasileiro ou possuir visto permanente no País;

b) estar em dia com suas obrigações eleitorais;

c) comprometer-se, no período de vigência da bolsa, a se dedicar exclusivamente às atividades do PIBID, sem prejuízo de suas atividades discentes regulares;

d) apresentar índice de rendimento acadêmico compatível com os objetivos do PIBID (IRA maior ou igual a 5,0);

e) apresentar o histórico escolar relativo à educação básica;

f) apresentar carta de motivação justificando seu interesse em atuar futuramente na educação básica pública;

g) apresentar informações, por escrito, sobre a renda familiar per capita.

E ainda, como critério de seleção dos bolsistas, deverão ser priorizados os estudantes oriundos da rede pública de educação básica ou com renda familiar per capita de até um salário-mínimo e meio. Também deverão ser priorizados os estudantes que estejam no 2o, 3o, 4o, 5o ou 6o período do Curso de Licenciatura em Matemática, envolvido neste Subprojeto.

As ações do subprojeto de Matemática iniciaram-se, oficialmente, em fevereiro de 2009 e tem previsão de execução de 24 meses; sendo 12 meses renováveis por mais 12 meses. Seu atual coordenador, o Prof. Luis Gonzaga Vieira Filho, professor do curso de Matemática do CERES/UFRN.

O professor supervisor vinculado à escola de atuação do projeto é o Prof. Eduardo Eneas de Medeiros.

 

 
© Copyright 2009 Curso de Matemática - CERES - UFRN
Centro de Ensino Superior do Seridó Universidade Federal do Rio Grande do Norte Centro Acadêmico de Matemática